.

Falta de turmas faz selecionados no

Prouni perderem bolsas

 





A insuficiência de turmas nas universidades credenciadas pelo

Prouni (Programa Universidade para Todos) levou bolsistas se

lecionados no 2º semestre deste ano a perder as vagas concedi

das pelo governo federal.

É o caso de Juliano Luiz de Souza, que não poderá usar a bolsa

parcial (50%) que ganhou do programa para cursar farmácia na

USF (Universidade São Francisco), em Campinas (SP).

Mesmo tendo sido aprovado e feito a matrícula, Souza não conse

guiu ingressar em uma das turmas da instituição. "A faculdade dis

se que não houve número suficiente de pessoas para o preenchi

mento das vagas e que não oferecerá o curso neste semestre."

Segundo Juliano Souza, outros 30 bolsitas classificados para ocu

par vagas na universidade perderão suas bolsas pelo mesmo mo

tivo. "É vergonhosa a política do Prouni para a concessão de bol

sas", disse.

A reportagem do UOL Educação não conseguiu localizar o reitor

da USF, Cláudio Maurício Zorzan, para comentar o assunto. Fun

cionários da universidade informaram que ele estava em férias e

que não havia outra pessoa que pudesse responder pelo Prouni.

Nesta sexta-feira (21/07), a coordenadora do curso de farmácia,

Maria Aparecida Antônio, também estava em férias.



Expectativa de direito


A portaria que autoriza a concessão de vagas no Universidade

para Todos diz que o processo seletivo apenas assegura uma

expectativa de direito à bolsa. Segundo o dispositivo, os candi

datos pré-selecionados ou reclassificados não terão direito ao

benefício, caso a instituição de ensino superior alegue falta de

alunos para a formação de turmas.

Segundo Souza, a alternativa apresentada pela faculdade teria

sido a transferência dos participantes do programa para outro

campus, em Bragança Paulista, a 65 km de Campinas. "Mas,

não é certo que haverá formação de turma em Bragança Paulis

ta também."

O MEC (Ministério da Educação) não informou quantos bolsistas

do Prouni deixam de estudar por insuficiência de turmas na uni

versidades vinculadas ao programa.

Criado pelo governo federal em 2004, o Prouni concede bolsas

 de estudos integrais e parciais a estudantes de cursos de gra

duação, em instituições privadas de educação superior. Em con

trapartida, essas universidades recebem isenção de alguns tri

butos.

A assessoria de imprensa do MEC também não soube infor

mar se o governo federal voltará a cobrar impostos das facul

dades que não oferecerem turmas para os bolsistas do Prouni.