BRASIL , Sudeste , Homem , de 26 a 35 anos , Portuguese , English , Música , Esportes , Amor
Outro -
Magia Gifs - O melhor site de GIFs!

Meu Humor



PERFIL
Nome:Nilceu Francisco

Aniversário:11 de julho

Cidade:Campinas-SP

Gosto:Boas amizades, Viver, Conquistar, Amar

Hobby:Compor

Filmes:Aprecio a todos os gêneros

Músicas:Dance, Românticas... Preferidas :Folhas de outono; As rosas não falam, Palavras lindas...

GREVE DOS PROFESSORES EM SP

SOM
Tema do filme " Ao mestre com carinho"


ALUNOS, EX-ALUNOS DE DIVERSAS ESCOLAS ONDE TRABALHO OU TRABALHEI.

MEUS OUTROS BLOGS

PAPAIS


FOLCLORE


OLIMPÍADAS BRASIL LÁ


CÂMERA OCULTA


O UÓ DO BOROGODÓ


MAMÃES


PAIXÃO POR CRISTO


BIG & BLOG


TÔ COM A MACACA


ENVIE CARINHOS


LOVE STORIESS


BLOG NILCEU


GARGALHADAS


RECANTO SANTISTA


BLOG POLÍTICA


PROSAMOROSA


BLOG ADULTO


FOTOLOG DA FAMA


FOTOBLOG SENSUAL


NATAL DOS SONHOS-Pesquisa


BLOG NEWCEU- Pesquisa


BLOG PAN-PAN - Pesquisa


BLOG FOLCLORE - Pesquisa


CAUSOS & FOLIAS - Pesquisa


BYE, BYE, tristeza - Pesquisa


ESPORTES & SPORTS - Pesquisa


HOME

LINKS

Aulas
ANPED
APEOESP
APRENDIZ UOL
Banco Brasil
BANCO ITAÚ
BANESPA
BLOGGER
BOL
BRADESCO
CAIXA FEDERAL
CENP - EDUNET
Como estudar
CONCURSOS
CPP
CURIOSIDADES
D.E. Leste
D.E. Oeste
Downloads Livros
ENEM
FATOS
Folclore
G1 Notícias
Gifs Best
GLOBO
Imprensa Oficial
Lição Casa
Ling Estrangeira
Literat e Gramát
Livros-Downloads
Ministério Fazenda
MEC
Nossa Caixa
PEGADINHAS
Portal MEC
Prefeitura Cps
PUCCAMP
Revista Profs
Secretaria Educação
TERRA
UNICAMP
UOL
USP
YAHOO
Manual Profs
Sonhos
Extra/Globo
EducarCrescer
EAD


Votação

Dê uma nota para meu blog OBRAS DE ARTE ALEIJADINHO, ANITA MALFATI, PORTINARI, MICHELANGÊLO, TARSILA DO AMARAL


INDIQUE

Indique esse Blog PESQUISE ARQUIVOS

25/08/2013 a 31/08/2013

11/08/2013 a 17/08/2013

21/07/2013 a 27/07/2013

23/06/2013 a 29/06/2013

21/04/2013 a 27/04/2013

14/04/2013 a 20/04/2013

07/04/2013 a 13/04/2013

11/11/2012 a 17/11/2012

04/11/2012 a 10/11/2012

14/10/2012 a 20/10/2012

01/07/2012 a 07/07/2012

29/04/2012 a 05/05/2012

22/04/2012 a 28/04/2012

26/02/2012 a 03/03/2012

29/01/2012 a 04/02/2012

08/01/2012 a 14/01/2012

01/01/2012 a 07/01/2012

18/12/2011 a 24/12/2011

27/11/2011 a 03/12/2011

20/11/2011 a 26/11/2011

13/11/2011 a 19/11/2011

23/10/2011 a 29/10/2011

09/10/2011 a 15/10/2011

18/09/2011 a 24/09/2011

11/09/2011 a 17/09/2011

04/09/2011 a 10/09/2011

14/08/2011 a 20/08/2011

07/08/2011 a 13/08/2011

10/07/2011 a 16/07/2011

26/06/2011 a 02/07/2011

05/06/2011 a 11/06/2011

29/05/2011 a 04/06/2011

08/05/2011 a 14/05/2011

24/04/2011 a 30/04/2011

10/04/2011 a 16/04/2011

13/03/2011 a 19/03/2011

27/02/2011 a 05/03/2011

20/02/2011 a 26/02/2011

06/02/2011 a 12/02/2011

16/01/2011 a 22/01/2011

26/12/2010 a 01/01/2011

19/12/2010 a 25/12/2010

05/12/2010 a 11/12/2010

07/11/2010 a 13/11/2010

17/10/2010 a 23/10/2010

10/10/2010 a 16/10/2010

03/10/2010 a 09/10/2010

12/09/2010 a 18/09/2010

05/09/2010 a 11/09/2010

29/08/2010 a 04/09/2010

22/08/2010 a 28/08/2010

15/08/2010 a 21/08/2010

08/08/2010 a 14/08/2010

04/07/2010 a 10/07/2010

20/06/2010 a 26/06/2010

13/06/2010 a 19/06/2010

23/05/2010 a 29/05/2010

16/05/2010 a 22/05/2010

02/05/2010 a 08/05/2010

25/04/2010 a 01/05/2010

11/04/2010 a 17/04/2010

04/04/2010 a 10/04/2010

28/03/2010 a 03/04/2010

21/03/2010 a 27/03/2010

14/03/2010 a 20/03/2010

07/03/2010 a 13/03/2010

28/02/2010 a 06/03/2010

21/02/2010 a 27/02/2010

07/02/2010 a 13/02/2010

31/01/2010 a 06/02/2010

24/01/2010 a 30/01/2010

17/01/2010 a 23/01/2010

10/01/2010 a 16/01/2010

27/12/2009 a 02/01/2010

20/12/2009 a 26/12/2009

13/12/2009 a 19/12/2009

29/11/2009 a 05/12/2009

22/11/2009 a 28/11/2009

15/11/2009 a 21/11/2009

08/11/2009 a 14/11/2009

01/11/2009 a 07/11/2009

25/10/2009 a 31/10/2009

18/10/2009 a 24/10/2009

11/10/2009 a 17/10/2009

04/10/2009 a 10/10/2009

27/09/2009 a 03/10/2009

20/09/2009 a 26/09/2009

13/09/2009 a 19/09/2009

06/09/2009 a 12/09/2009

23/08/2009 a 29/08/2009

09/08/2009 a 15/08/2009

02/08/2009 a 08/08/2009

26/07/2009 a 01/08/2009

19/07/2009 a 25/07/2009

12/07/2009 a 18/07/2009

05/07/2009 a 11/07/2009

28/06/2009 a 04/07/2009

21/06/2009 a 27/06/2009

14/06/2009 a 20/06/2009

07/06/2009 a 13/06/2009

31/05/2009 a 06/06/2009

24/05/2009 a 30/05/2009

17/05/2009 a 23/05/2009

10/05/2009 a 16/05/2009

03/05/2009 a 09/05/2009

26/04/2009 a 02/05/2009

19/04/2009 a 25/04/2009

12/04/2009 a 18/04/2009

05/04/2009 a 11/04/2009

29/03/2009 a 04/04/2009

22/03/2009 a 28/03/2009

15/03/2009 a 21/03/2009

08/03/2009 a 14/03/2009

01/03/2009 a 07/03/2009

22/02/2009 a 28/02/2009

08/02/2009 a 14/02/2009

01/02/2009 a 07/02/2009

25/01/2009 a 31/01/2009

18/01/2009 a 24/01/2009

11/01/2009 a 17/01/2009

04/01/2009 a 10/01/2009

28/12/2008 a 03/01/2009

21/12/2008 a 27/12/2008

14/12/2008 a 20/12/2008

07/12/2008 a 13/12/2008

30/11/2008 a 06/12/2008

23/11/2008 a 29/11/2008

16/11/2008 a 22/11/2008

09/11/2008 a 15/11/2008

02/11/2008 a 08/11/2008

26/10/2008 a 01/11/2008

19/10/2008 a 25/10/2008

12/10/2008 a 18/10/2008

05/10/2008 a 11/10/2008

28/09/2008 a 04/10/2008

14/09/2008 a 20/09/2008

07/09/2008 a 13/09/2008

31/08/2008 a 06/09/2008

24/08/2008 a 30/08/2008

17/08/2008 a 23/08/2008

10/08/2008 a 16/08/2008

03/08/2008 a 09/08/2008

27/07/2008 a 02/08/2008

20/07/2008 a 26/07/2008

13/07/2008 a 19/07/2008

06/07/2008 a 12/07/2008

29/06/2008 a 05/07/2008

22/06/2008 a 28/06/2008

15/06/2008 a 21/06/2008

08/06/2008 a 14/06/2008

01/06/2008 a 07/06/2008

25/05/2008 a 31/05/2008

18/05/2008 a 24/05/2008

11/05/2008 a 17/05/2008

04/05/2008 a 10/05/2008

27/04/2008 a 03/05/2008

20/04/2008 a 26/04/2008

13/04/2008 a 19/04/2008

06/04/2008 a 12/04/2008

30/03/2008 a 05/04/2008

23/03/2008 a 29/03/2008

16/03/2008 a 22/03/2008

09/03/2008 a 15/03/2008

02/03/2008 a 08/03/2008

24/02/2008 a 01/03/2008

17/02/2008 a 23/02/2008

10/02/2008 a 16/02/2008

03/02/2008 a 09/02/2008

27/01/2008 a 02/02/2008

20/01/2008 a 26/01/2008

13/01/2008 a 19/01/2008

06/01/2008 a 12/01/2008

30/12/2007 a 05/01/2008

23/12/2007 a 29/12/2007

16/12/2007 a 22/12/2007

09/12/2007 a 15/12/2007

02/12/2007 a 08/12/2007

25/11/2007 a 01/12/2007

18/11/2007 a 24/11/2007

11/11/2007 a 17/11/2007

04/11/2007 a 10/11/2007

28/10/2007 a 03/11/2007

21/10/2007 a 27/10/2007

14/10/2007 a 20/10/2007

07/10/2007 a 13/10/2007

30/09/2007 a 06/10/2007

23/09/2007 a 29/09/2007

16/09/2007 a 22/09/2007

09/09/2007 a 15/09/2007

02/09/2007 a 08/09/2007

26/08/2007 a 01/09/2007

19/08/2007 a 25/08/2007

12/08/2007 a 18/08/2007

05/08/2007 a 11/08/2007

29/07/2007 a 04/08/2007

22/07/2007 a 28/07/2007

15/07/2007 a 21/07/2007

08/07/2007 a 14/07/2007

01/07/2007 a 07/07/2007

24/06/2007 a 30/06/2007

17/06/2007 a 23/06/2007

10/06/2007 a 16/06/2007

03/06/2007 a 09/06/2007

27/05/2007 a 02/06/2007

20/05/2007 a 26/05/2007

13/05/2007 a 19/05/2007

06/05/2007 a 12/05/2007

29/04/2007 a 05/05/2007

22/04/2007 a 28/04/2007

15/04/2007 a 21/04/2007

08/04/2007 a 14/04/2007

01/04/2007 a 07/04/2007

25/03/2007 a 31/03/2007

18/03/2007 a 24/03/2007

11/03/2007 a 17/03/2007

04/03/2007 a 10/03/2007

25/02/2007 a 03/03/2007

18/02/2007 a 24/02/2007

11/02/2007 a 17/02/2007

04/02/2007 a 10/02/2007

28/01/2007 a 03/02/2007

21/01/2007 a 27/01/2007

07/01/2007 a 13/01/2007

31/12/2006 a 06/01/2007

24/12/2006 a 30/12/2006

17/12/2006 a 23/12/2006

10/12/2006 a 16/12/2006

03/12/2006 a 09/12/2006

26/11/2006 a 02/12/2006

19/11/2006 a 25/11/2006

12/11/2006 a 18/11/2006

05/11/2006 a 11/11/2006

29/10/2006 a 04/11/2006

22/10/2006 a 28/10/2006

15/10/2006 a 21/10/2006

08/10/2006 a 14/10/2006

01/10/2006 a 07/10/2006

24/09/2006 a 30/09/2006

10/09/2006 a 16/09/2006

03/09/2006 a 09/09/2006

27/08/2006 a 02/09/2006

20/08/2006 a 26/08/2006

13/08/2006 a 19/08/2006

06/08/2006 a 12/08/2006

30/07/2006 a 05/08/2006

16/07/2006 a 22/07/2006

09/07/2006 a 15/07/2006

02/07/2006 a 08/07/2006

25/06/2006 a 01/07/2006

18/06/2006 a 24/06/2006

04/06/2006 a 10/06/2006

28/05/2006 a 03/06/2006

21/05/2006 a 27/05/2006

14/05/2006 a 20/05/2006

30/04/2006 a 06/05/2006

23/04/2006 a 29/04/2006

16/04/2006 a 22/04/2006

02/04/2006 a 08/04/2006

19/03/2006 a 25/03/2006

12/03/2006 a 18/03/2006

05/03/2006 a 11/03/2006

19/02/2006 a 25/02/2006

12/02/2006 a 18/02/2006

05/02/2006 a 11/02/2006

29/01/2006 a 04/02/2006

22/01/2006 a 28/01/2006

15/01/2006 a 21/01/2006

08/01/2006 a 14/01/2006

01/01/2006 a 07/01/2006

25/12/2005 a 31/12/2005

18/12/2005 a 24/12/2005

11/12/2005 a 17/12/2005

04/12/2005 a 10/12/2005

27/11/2005 a 03/12/2005

20/11/2005 a 26/11/2005

13/11/2005 a 19/11/2005

06/11/2005 a 12/11/2005

30/10/2005 a 05/11/2005

23/10/2005 a 29/10/2005

16/10/2005 a 22/10/2005

09/10/2005 a 15/10/2005

02/10/2005 a 08/10/2005

25/09/2005 a 01/10/2005

18/09/2005 a 24/09/2005

11/09/2005 a 17/09/2005

04/09/2005 a 10/09/2005

28/08/2005 a 03/09/2005

21/08/2005 a 27/08/2005

14/08/2005 a 20/08/2005

07/08/2005 a 13/08/2005


Créditos




.

TEXTO DE PADRE ANTÔNIO VIEIRA:

       O TEMPO E O AMOR

 

Tudo cura o tempo, tudo faz esquecer,

 

tudo gasta, tudo digere, tudo acaba.

 

Atreve-se o tempo a colunas de mármore,

 

quanto mais a corações de cera! São as fei

 

ções como as vidas, que não há mais certo sinal

 

de haverem de durar pouco que terem durado

 

muito. São como as linhas que partem do cen

 

tro para a circunferência, que, quanto mais con

 

tinuadas, tanto menos unidas. Por isso os an

 

tigos sabiamente pintaram o amor menino; por

 

que não há amor tão robusto que chegue

 

a ser velho. De todos os instrumentos com

 

que o armou a natureza, o desarma o tempo.

 

 Afrouxa-lhe o arco com que já não tira; embo

 

ta-lhe as setas com que já não fere; abre-lhe

 

os olhos com que vê o que não via; e faz-lhe

 

crescer as asas com que voa e foge.

 

A razão natural de toda esta diferença é por

 

que o tempo tira a novidade às coisas: descobre

 

-lhe os defeitos, enfastia-lhe o gosto e basta

 

que sejam usadas para não serem as mesmas.

 

Gasta-se o ferro com o uso, quanto mais o amor!

 

 O mesmo amar é causa de não amar, e o ter ama

 

do muito, de amar menos.

 

Editado por NilceuProf

Haloscan

Zip Net


Enviar esta mensagem




.

Enem recebe mais de 106 mil

pré-inscrições por site

em uma semana



Em uma semana, mais de 106 mil estudantes que

concluem o ensino médio neste ano --ou concluí

ram em anos anteriores-- já realizaram a pré-ins

crição no Enem (Exame Nacional do Ensino Mé

dio) pela internet. O prazo termina dia 2 de ju

nho. O exame será no dia 27 de agosto.

Todos os alunos ainda deverão receber a confir

mação de sua inscrição. Os pontos obtidos no

Enem são usados na avaliação de diversas enti

dades de ensino superior. O exame é obrigató

rio para quem pretende concorrer a uma bolsa

do ProUni (Programa Universidade Para To

dos).

Estudantes da rede particular deverão pagar

R$ 35 pelo teste. Os da rede pública são isen

tos do pagamento. Quem for bolsista na rede

particular de ensino deve preencher uma decla

ração de carência para ter direito à isenção do

pagamento da taxa de inscrição.

Quem termina o ensino médio neste ano deve

consultar sua escola sobre a modalidade da ins

crição --pela internet ou por ficha de inscrição.

Quem concluiu em anos anteriores pode inscre

ver-se em agências dos Correios, além da inter

net.

Folha Online

Editado por NilceuProf

Haloscan

Zip Net


Enviar esta mensagem




.

Conselhos de classe opinarão

sobre cursos



Um decreto do presidente Luiz Inácio Lula da Sil

va publicado ontem prevê que os conselhos pro

fissionais, como a OAB (Ordem dos Advogados

do Brasil), irão participar do reconhecimento

dos cursos universitários.

"Se um curso está formando maus profissionais,

quem melhor que os conselhos para apontar is

so?", afirmou à Folha o ministro da Educação, Fer

nando Haddad.

A participação desses órgãos no ensino superior

é questionada pelas instituições privadas, que vê

em a possibilidade de protecionismo, para que se

ja reduzida a entrada de novos profissionais no

mercado de trabalho.

A avaliação desses conselhos será um dos aspec

tos analisados pelo MEC (Ministério da Educação)

para reconhecer o curso. Outro ponto importan

te são as avaliações no Sinaes (Sistema Nacional

de Avaliação da Educação Superior), que exami

na o desempenho dos estudantes por meio de

uma prova (o Enade), além das condições dos

cursos e das instituições.

"Até então, os conselhos agiam um pouco ape

nas na autorização dos cursos. Queremos chamar

a sociedade, por meio desses órgãos, para definir

se o curso tem relevância e qualidade para conti

nuar existindo", disse Haddad.

O ministro citou, como exemplo, reportagem da

Folha publicada em novembro em que o Conselho

Regional de Medicina do Estado de São Paulo

apontou que a taxa de denúncias contra médicos

formados nas escolas com as piores notas nos

exames nacionais de alunos é mais do que o do

bro da registrada contra profissionais oriundos

das faculdades com as melhores avaliações. "Ma

teriais como esse precisam ser aproveitados",

disse Haddad.


Cada conselho opinará sobre os cursos de sua

própria área.



Etapas



As faculdades, para começarem um curso, preci

sam pedir autorização ao MEC. No meio do cur

so, elas devem solicitar o reconhecimento --só

assim os diplomas dos alunos terão validade.

Se o reconhecimento for concedido, os pedidos

de renovação devem ser analisados pelo MEC

a cada três anos --os conselhos profissionais

também atuarão nessas etapas. A medida vale

para todas as profissões regulamentadas por

lei.

O vice-presidente da Abmes (associação das man

tenedoras das universidades particulares), Antoni

o Carbonari Netto, critica a medida. "Os conselhos,

por lei, precisam fiscalizar os profissionais, não os

formandos. Os instrumentos que eles têm não são

melhores que os do MEC", afirmou. "Claro que há

a possibilidade de haver protecionismo."



Legislação



O decreto publicado ontem visa unificar e tornar

mais clara a regulação do sistema superior no pa

ís. Com a medida, Haddad afirma que irá revo

gar 40 portarias que tratam do tema.

Um dos pontos abordados é a regulamentação

do Sinaes. Com isso, uma instituição que tenha

avaliações ruins, e não melhores, poderá ser fe

chada.

"Até então, isso não poderia ser feito. Temos ca

sos de cursos constantemente mal avaliados no

antigo Provão que continuaram funcionando",

disse Haddad.

Para Carbonari, o decreto aumentou a burocra

cia. "Só para abrir um curso, são sete etapas.

Pode gerar reserva de mercado."


Editado por NilceuProf

Haloscan

Zip Net


Enviar esta mensagem




.

Deputados podem proibir cursos

mal-avaliados de fazer vestibular


Foi aprovado na quarta-feira (10) pela Comissão

de Educação e Cultura da Câmara dos Deputados

um projeto de lei que pretende proibir faculdades

de direito cujos alunos não obtiverem média de

10% de aprovação nos exames da OAB (Ordem

dos Advogados do Brasil) por dois anos consecuti

vos de realizarem novos processos seletivos.

Inicialmente, o projeto -- de autoria do deputado

Lincoln Portela (PL-MG)-- previa o índice de 20%

de aprovação. O valor caiu graças a uma emenda.

Uma emenda acrescentada ao projeto determina

ainda que um terço da banca que examinará as pro

vas da OAB seja de universidades da região. A idéia

é controlar o corporativismo possivelmente existen

te na instituição.

O projeto tramita em caráter conclusivo e ainda de

verá ser analisado pela CCJ (Comissão de Constitui

ção e Justiça e de Cidadania).


 

Editado por NilceuProf

Haloscan

Zip Net


Enviar esta mensagem




.

63% dos professores têm problemas

na voz




Um estudo inédito feito em São Paulo mostra que

63% dos professores da rede particular já tive

ram problemas de voz.

A pesquisa, feita pelo Centro de Estudos da Voz

em parceria com o Sindicato dos Professores de

São Paulo, é o primeiro estudo epidemiológico

que aborda o tema no país. Ele será apresenta

do hoje no Simpósio Internacional do centro, na

Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Os sintomas mais apontados pelos docentes no

levantamento foram garganta seca (51,7%),

rouquidão (35,1%) e pigarro (35,1%).

Foram entrevistados 250 docentes do ensino

particular de São Paulo, do infantil ao superior,

e 250 profissionais de outras áreas. Enquanto

no primeiro grupo mais de 60% disseram já ter

tido problema vocal, o percentual cai para 38,

5% no segundo grupo.

A metodologia foi a mesma aplicada pelo pesqui

sador Nelson Roy, da Universidade de Utah, dos

Estados Unidos, no mais amplo levantamento

de saúde vocal dos professores norte-america

nos. Até o final do ano, a pesquisa brasileira

irá abranger as redes pública e particular de

todo o país.

"Como os professores trabalham com a voz o

tempo todo, eles estão mais propensos a ter

problemas", afirma a fonoaudióloga Fabiana

Zambon, uma das coordenadoras do estudo.

Outra coordenadora da pesquisa, Mara Behlau

cita os seguintes pontos que agravam a situa

ção da voz dos professores: carga horária inten

sa, turmas numerosas, classes sem preparo

acústico e falta de conhecimento técnico do uso

da voz. "Para eles, é até uma associação dire

ta o fato de ser professor e de ter problema de

 voz."

A docente de artes no ensino básico Marisa Cag

no Ribeiro, 50, que já chegou a ficar três dias

sem voz, tem outra reclamação. "Os alunos es

tão muito indisciplinados. Precisamos competir

com eles e falar mais alto."

O problema vocal dos professores também foi

analisado por um outro estudo, feito pela Unifesp,

pelo Ministério do Trabalho e pelo sindicato dos

professores. O trabalho, que envolveu 1.400 en

trevistas com docentes da rede privada de ensino

superior, será apresentado num congresso em

setembro. Uma das conclusões é que 70% dos

educadores têm chances de perder dias de ativi

dade devido a problemas na voz.

"A variável que mais influi é o número de alunos

por classe", disse o chefe do setor de Laringolo

gia e Voz da Unifesp, Paulo Pontes, um dos or

ganizadores.


Os problemas de voz nos professores chegam

a ser tão preocupantes que 15,4% dos docen

tes afirmaram que pensam em largar as aulas

devido às dificuldades com a voz, segundo a

pesquisa a ser apresentada hoje na Unifesp.

"Isso preocupa. Em física e química já há escas

sez de professores", disse o presidente do Sie

eesp (sindicato das escolas particulares), José

Augusto de Mattos Lourenço. Ele afirma que o

sindicato está promovendo oficinas específicas

sobre o assunto.


 

Editado por NilceuProf

Haloscan

Zip Net


Enviar esta mensagem